PROSAS EM VERSOS

SER POETA, É SENTIR AFLORAR DA PELE SENSIBILIDADE, É OUVIR O GRITO DOS QUE NADA DISSERAM, É VER POR UMA GAMA DE CORES INVISÍVEIS À MACROSCÓPICA VISÃO DOS INSENSÍVEIS, É PENETRAR IMPIEDOSAMENTE À ALMA HUMANA.

quarta-feira, 11 de julho de 2012

FÁTIMA CUSTÓDIO - Tema = Nuvem (NUVEM BRANCA DO MEU SONHO)


Fátima Custódio
Nuvem branca do meu sonho...

Neste momento em que o dia desmaia; e aquelas nuvens que voam, levam com elas, as horas vivas que soam, no voo dos pássaros que emigram...
Num horizonte em ruínas, planam gaivotas perdidas que mal sustêm as asas, e o vento, num instante como espada cortante, as arremessa contra os castelos caídos...
Momentos de penumbra, asas seguras retornam rasantes, sobrevoam a imensidão nocturna e choram sozinhas o seu segredo...
Momento de nostalgia; sem desencanto nem desilusão, nem sorriso de fagulha, sem a luz do sol dourado nem a prata do luar; viagem pela janela, abraço de nuvem branca...
Nuvem branca de sentimento, de paixão e pedaços de saudade; numa dança de emoção, meu coração renasce e solta-se por aí, saudade dispersa, trazendo até mim um sonho imenso...
Pétalas de nuvem, e sentada no meio do nada, espero que a chuva desfolhe esta saudade louca nas palavras sem encanto..onde me quero ocultar...
Esta nuvem melodia que navega entre mim e o céu, vai-se perdendo no espaço da minha existência...no meu branco sonho de palavras por dizer...
E amanhã, amanhã, nuvem branca do meu sonho, veste-te de seda e faz brilhar o meu dia...faz-me acreditar que já não abraço a noite...deixa-me sentir os teus passos...sandálias brancas de nuvem...

Fátima Custódio


ROSE COSTA - Tema = Nuvem (LEVE e SUTIL)


Rose Costa
Leve e Sutil

São tons grisalhos
Tão leve e sutil
Como nuvens densas
A tocar o olhar ...
Desejoso por ali estar
Entre fios emaranhados
Que o tempo assim fez
Cálido como sua tez ...

Resplandece a serenidade
Em saber ir além ...
Caminhos já percorridos
Pois na vida tudo tem sentido

E se o tempo permitiu
O sorriso não desmentiu
Pois se na alma danças
É porque o amor ainda enlaças.

Rose Costa


MÁRCIA REGINA - Foto = CHÃO ESPELHADO


Márcia Regina Lopes
Chão espelhado

Será que está correto?
Esse meu caminho
Que quer ser reto?
Mas creio que todos
Necessitam de curvas
E atalhos, somos humanos
Não somos pereitos
Gostamos do mistério
Da conquista, do mérito
Não valorizamos o fácil
Precisamos das dificuldades
Das imperfeições, obstáculos
Para que nossas construções
Sonhos e realizações
Sejam assim um espelho
Com uma imagem única
Refletindo nós mesmos
Em nossos caminhos
E nos lembrando 
Que somos os únicos 
Responsáveis pelas imagens
Da nossa história e vida!

Márcia Lopes (11/7/12)


LUCINHA SANTOS - Tema = Nuvens (NAS NUVENS)


Lúcinha Santos
Nas nuvens

nas nuvens eu fico
nas nuvens estou
nas nuvens fazendo poemas pra meu amor
E peço aos anjos ajuda pra isso
Eles tocam Harpa enquanto recito
Gosto de recitar os poemas a noite
enquanto meu amor dorme
Sussurro ao seu ouvido
palavras de amor 
que ao acordar, lembre-se como um sonho
todo esse meu carinho
E ao chegar pertinho dele
aproveito pra matar a saudade
sinto seu cheiro gostoso
e deixo meu beijo no seu rosto
E dormindo mesmo assim, me parece
que sorri e agradece.
Meu amor , eu to aqui nas nuvens
entre anjos
te olhando e cuidando de ti
quando longe dos teus braços
eu me encontro.
Por que quando to perto,
é tu o anjo que cuida de mim
Num amor sereno, tranquilo
que me vejo assim, igual nas nuvens,
quando tu me abraça.

> Lucinha ♥

MÔ - Tema = NUVENS


Mô Schnepfleitner
Nuvens

Tem dias
que só enxergo
bonitas nuvens
que parecem
ter sido pintadas
por um belo anjo.
Noutros, só vejo
nuvens negras
tristes e pesadas
que sombreiam
toda a possível
alegria de minh'alma.
Tem dias também
que eu simplesmente
penso..e agradeço
pelas nuvens
existirem..

Mô Schnepfleitner


PAULA TEIXEIRA - Foto -= VINDE


Paula Teixeira
VINDE ...


SAO TANTOS OS MISTERIOS 
QUE ABAIXO A CABEÇA E ESPERO ...
ESPERANÇA AZUL, ANIL PROFUNDO ,
DOS POÇOS MAIS FUNDOS ,
DE TERNURA CINTILANTE
SORRISO BRILHANTE !
TUDO POSSO NAQUILO QUE ESPERO ,
A PAZ CHEGARA , A BONDADE REINARA ,
E TUDO SE RESOLVERA ...
NADA DE DORES, 
NEM CHOROS, MUITO MENOS MORTES,
SOMENTE AZUIS DE PLENA SORTE .
MEU PECADO PAGUEI, 
MINHAS TRISTEZAS CHOREI , PELOS INFERNOS ASTRAIS PASSEI 
E OBSERVEI ,
QUE ÑAO VALE A PENA TER A ALMA TAO PEQUENA .



MÁRCIA REGINA - Tema = NUVENS


Márcia Regina Lopes


Ser criança
Ser esperança
Acreditar e sonhar
Sonhar e acreditar
Em nuvens fofas
Pular e rolar
Fazer de conta
Até ficar tonta
E na minha nuvem poder 
Nunca mais...
Nunca mais crescer!

Márcia Lopes (11/7/12)


ANIBAL - Tema = NUVENS


Aníbal Bastos
NUVENS

Nuvens que pairais no céu,
Feitas de vapor de água,
Vós tendes algo de meu,
Produto da minha mágoa,
Quando o meu céu escureceu!

E dos olhos nublados,
Fontes de água brotaram,
Formando rios salgados;
Pelo calor evaporados,
Em nuvens se transformaram!

Quando olho o céu e vejo,
Castelos de nuvens brancas,
Sinto acordar os desejos,
Dos teus lábios, dos teus beijos:
Das nossas palavras francas!

Mas se vejo nuvens escuras,
Anunciando tempestade,
Recordo as amarguras,
Fruto das nossas loucuras,
Destruindo a felicidade!

Um dia o Sol a brilhar,
No céu azul espero ver,
Sem nuvens para o ocultar;
Quando vir no teu olhar,
A minha razão de ser!

E mesmo no frio inverno,
Depois das folhas caídas,
Com um olhar doce e terno,
Poremos fim ao inferno,
Das nuvens das nossas vidas!

A. Bastos (Júnior)


ERENI - Foto = AUSENTE


Ereni Wink
AUSENTE

Enterras um punhal
Em meu peito
E lavas com agua salgada
Depois te ausenta disperso
Remoendo teu triste ato
E com o pensamento funesto
Caminha perdido no espaço.


Florianopolis 10/07/2012 Ereni Wink


ERENI - Tema = Nuvem ( PARA MEU AMADO)


Ereni Wink
PARA MEU AMADO


Te entrego meus dias
Sempre os mais lindos
Aqueles... onde a tristeza não existe.
Com cheiro de nata virgem
E sabor de mel.

Te entrego
O frescor da natureza
O brilho do sol 
O fulgor das estrelas.

E juntos dançaremos
A valsa das ondas
Que toca a revelia
Ao quebrar nas pedras.

Mas se um dia 
De meu amor cansares
Nada saberás do meu sofrimento
E se a vida te trouxer pesares
Volte... que eu te darei meu alento.

Te embalarei meu amado
Em meus braços mornos
Te cobrirei com o mais lindo sentimento
E com meus lábios enxugrarei tuas lagrimas
E meus ouvidos ouvirão teus lamentos.

Pedirei as fadas um pouco de magia
E as nuvens densas toda a leveza
Te darei carinho como quem beija 
E do meu amor terás toda a certeza.

Em brancas nuvens darei teu descanso
Como se fosse um recanto secreto
Como uma sereia te encantarei
Te darei minha vida e o meu afeto.


Florianopolis 10/07/2012
ERENI WINK


MÔ - Foto = LUMINOSIDADE


Mô Schnepfleitner
Luminosidade



Acordei..
ou era um sonho?
Abro os olhos
e vejo luz,
muita luz...
Será miragem?
Confusão mental
ou um sinal?
Vejo teu reflexo
no espelho
à minha frente
ou é o teu reflexo
que me vê?

Mô Schnepfleitner


ERENI - Foto = UNIVERSO


Ereni Wink
UNIVERSO 



Minhas palavras 
Joguei ao vento
Contei ao universo
Meu desencanto
Se misturaram 
La nas alturas 
E a mim retornaram
Cheias de ternura
As acoli de braços abertos
Vendo no horizonte 
O meu reflexo
Fiquei caminhando
Sob as nuvens
Com o olhar
Fixo no firmamento 
Senti minha 
Energia fluir
Como jamais
Havia sentido
E assim caminhando 
Entre o colorido
Dos reflexos que eu havia pedido.

Florianopolis 10/07/2012
Ereni Wink

KEYLA - Foto = ENCONTRO


Keyla Cantinho Goiano
 Encontro

Qual caminho é esse?
Um clarão no horizonte
pontos de luz sem ofuscar
Acho que conheço esse lugar...

passos levitantes
coração ao palpitar
será que a flor da desencarnação?
ou um sonho ao acordar?

Meu Deus do céu !!!
és tu minha Mãe...
estrela de minh'alma
sonhei tantas vezes com esse ninar
diga que não vai mais me deixar...



Keyla Cantinho Goiano



ERENI - Tema = NUVEM (SILÊNCIO)


Ereni Wink
SILENCIO

Nas asas do nada
Meu pensamento voa
O barulho do silencio
Faz um eco estrondoso
Até os anjos do céu
Sentados sobre brancas nuvens
Silenciam suas flautas
Para escutar.

Florianopolis 10/07/2012
Ereni Wink


KEYLA - Tema = Nuvem (DESENHANDO)


Keyla Cantinho Goiano
Desenhando

Caminhos da infância
fantasias sem distâncias
brincadeiras e adivinhações
o pulsar dos corações

A nuvem ao rodar nos pensamentos
será que é um castelo ou um cata-vento?
vamos ver quem adivinha...?
já sei ! É a forma de uma menininha

Quanta ternura se fazia
a cada acerto das nuvenzinhas
como uma canção na memória
ficará sempre aqui em minha história

Keyla Alves Fernandes


SALETE - Tema = Nuvem = (MONALIZA)


Maria Salete Ariozi
Monaliza
Não sempre nem constante,

Às vezes um momento somente
-sozinha- por um dia nem tão 
Intenso num espaço qualquer 
Do tempo não me percebo,
Nem me compreendo ao menos...



Paira sobre mim enfumaçando 
Meu olhar sem me deixar gritar,
Negra Nuvem densa cor cinzenta...



Faz-me pensar que meu mundo 
Vai desabar ... demoro -sofrendo-
Até toda fumaça se dissipar...



Consome meu brilho lentamente
Amordaçada a voz fica embargada
Fala contida, o isolamento acolhe...



Assim pendurada como paisagem
Num imenso quadro decorado 
Luxuosamente emoldurado...
Enfeitando a sala muito iluminada
Sobriamente enfeitada permanece
O quadro embora sozinho...



Traças, companhias indesejadas 
Insistente desordem, invadem 
Meu mundo... 



Tentam aniquilar o já não existente
Porém esboçado sorriso...
Sorriso inquieto, perturbador
De uma -Monaliza- não ali presente
Distante -enfeitando- apenas
Um quadro.

((Salete)) – Julho-2012


MÔ - Tema = Nuvem = (SONHO)


Mô Schnepfleitner
Sonho

Nuvem vem
nuvem vai..
E eu aqui
a sonhar...
Branca
como flocos 
de algodão
Escura e pesada
anunciando
a chuvarada
E eu aqui
a imaginar..
Que cores
que desenhos
quem pintou
esse lindo quadro?
E eu aqui 
a questionar...
No imaginário
pego uma escada,
e subo...
E eu aqui
querendo alcançar...

Mô Schnepfleitner

ANA MARQUES - Tema - NUVEM


Ana Marques Summa





É tão bom ser nuvem,
ter o corpo leve,
e passar, passar, passar...

Leva-me Contigo,
quero ver Granada.
Quero ver o mar.

Granada é longe,
O mar é distante.
Não podes voar.

Para que te serve
ser nuvem, se não
me podes levar?


SALETE - Tema = Nuvem (AMIGOS NUVENS)


Maria Salete Ariozi
Amigos Nuvens


Procurando inspiração
Olhei para o céu
Nuvens que trouxessem
Versos e razão !

Encontrei carneirinhos
Em formatos de algodão
Lindos amigos diversos
Com Paz no coração !

Pulando alegremente
Seguiram seus caminhos
No azul do céu passaram
Em minha frente...

Amigos Nuvens no céu
De alguns me despedi,
Sei estes não voltarão...
Estarão sempre ali...

Outros me trazem alegria
Estão pertinho de mim
Sorridentes e Felizes 
Encontram-se aqui !

((Salete))- Julho-2012


ANGELA MENDES - Foto = ESSA LUZ


Angela Mendes
ESSA LUZ!!!


Quando se aproxima a noite escura 
e achamos que estamos sós,
a alma definha, acabrunhada,
submersa na amargura.

Achamos que a caminhada findou
e cabisbaixos, a passos lentos,
nada mais nos traz alegria.
Eis que surge a luz que nos dá sustento.

Um novo dia ressurge, luminoso...
Há um brilho extraordinário ao longe
mas que sempre esteve ao nosso lado, radioso!

Estou falando de uma luz interior
que só espalha e semeia o amor
- é a luz que vem do Criador!


(Ângela Mendes, 11/07/2012)


BASILIA - Tema = Nuvem (NUVEM)


Basilina Divina Pereira
NUVEM

Oh! Nuvem!
Quantos sonhos embalas no contraste impossível do azul.
Com tuas formas brancas voam meus tolos pensamentos
e ao teu encontro seguem meus mais tênues devaneios.

Admirando teu bailado sensual,
conto as horas para embarcar na Via Láctea
e desvendar os mistérios que se escondem
em teu silêncio de algodão e nuances fugidias

onde o sofrimento do mundo se transforma
em manto de sombra, e lágrimas de cristal
descem do teu pedestal insone e distante
como um conto que se afogou.

Oh! nuvem!
Em que espelho tu miraste para compor esta aquarela
que se renova em cada turno, soberba e indiferente,
como o crepúsculo vermelho que dispersa no horizonte.

Como se não te bastasse eclipsar o sol,
segues como um peregrino celeste,
tornando a noite mansa e cheia de contos
e tendo a lua doce e rendida a teus pés.

Basilina Pereira

ANGELA MENDES - Tema = Nuvens (VAMOS)


Angela Mendes
VAMOS...


Toma minha mão,
vamos depressa
correr pelos campos 
cobertos de flores
que exalam 
os perfumes dos amores...
Vem...
vamos depressa,
subir naquela nuvem
antes que ela desapareça...
Lá no alto,
nós dois,
observando a vida que passa
tão rápida e sorrateira
juntos, abraçados!
Naquela nuvem,
ali quero viver
o mais belo sonho,
tendo como cenário
os campos cobertos de flores...
Sentir no ar
os perfumes dos amores.
Toma minha mão...
vamos...depressa...corra...
antes que a nuvem se vá,
antes que o dia morra!

(Ângela Mendes, 11.07.2012)


SALETE - Foto = IMAGEM ESPELHADA


Maria Salete Ariozi
Imagem Espelhada

De dentro para fora 
De fora para dentro
Refletida nas águas
No firmamento.

Reflexo da imagem
Escondida lá dentro
Entre o céu e o mar
Um sofrimento.

Sou eu por inteira
No justo complexo
Interior que chora
No lamento.

Escondida – clara –
No escuro do tempo
Firmo meu composto
Um momento.

((Salete))-Julho-2012

MÔ - Tema = Nuvens (MENINA)


Mô Schnepfleitner
Menina

Era uma vez
uma menina
que morava
no final da minha rua
Ela falava sozinha
vivia no mundo da lua
Sonhava com fadas
e príncipes encantados
Olhava para o céu
o tempo todo
brincava de dar nome às nuvens.
Um dia desses,
de tempo azul,
muito azul
uma nuvenzinha
chamou a menina 
para passear
em seus flocos,
tal qual
um tapete voador..
E ela ficou tão feliz,
e de tanto gostar
não quis mais voltar.

Mô Schnepfleitner

ALEXANDRE KENJI - Tema - Nuvens (IDEIAS...IDEIAS MINHAS)


Alexandre Kenji

Ideias...ideias minhas

Minhas nuvens de argumentos.
Se locomovem em meio ao tempo.
Um dia fica...um dia some.
Mas tudo no seu próprio vento.

O tempo fechado demonstrou falta de compreensão.
Uma agonia de viver.
De viver enclausurado no meu próprio espaço.
Em um curto período de tempo.

Nuvem negra.
Que faz querer ver a pior parte do ser.
Na carne que sangra sem nenhuma dor.
A dor de se sentir humano ao relento. 

Nuvem clara.
Que faz me ver a vida de outro ângulo.
Com canções e hinos.
Entre algumas flores de Provença.

Nuvem.
Nuvem minha.
Leve embora essa agonia.
Essa agonia que me assombra.
E que me faz querer ser ventania.

Nuvem.
Nuvem minha.
Fique um pouco mais por favor.
Pois os ventos se foram.
E o tempo me assiste sozinho.

Alexandre Kenji Fernandes Anzou (11/07/2012)

DAISI OLIVEIRA - TEMA = Nuvem (ESTOU AQUI)


Daisi Oliveira de Souza
Estou aqui


Em meu momento criança,
Sentada à sombra da árvore
Observo o lindo dia que fazia,

O sol forte marcando presença
Transpassava as folhas das árvores
Sem ao menos pedir licença.
Longos raios refletiam sua grandeza
Que a grama verde absorvia.

O céu não estava de todo azul,
Amontoados de nuvens desfilavam
Bem diante dos meus olhos a brincar
“ Decifra-me” com suas lindas formas.

Registrei na alma cada formação,
Quando uma nuvem em especial
Fez meu coração pulsar,
Não era uma nuvem qualquer
Mais parecia uma presença.

Ali, enorme, graciosa, suspensa,
Exibindo um perfil humano
Quase a me dizer Estou Aqui... 

Daisi Oliveira de Souza



Foto tirada no meu momento criança em Curitiba/junho2012

Você faz parte daqui