PROSAS EM VERSOS

SER POETA, É SENTIR AFLORAR DA PELE SENSIBILIDADE, É OUVIR O GRITO DOS QUE NADA DISSERAM, É VER POR UMA GAMA DE CORES INVISÍVEIS À MACROSCÓPICA VISÃO DOS INSENSÍVEIS, É PENETRAR IMPIEDOSAMENTE À ALMA HUMANA.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

ERENI - Prosas do Tema - POETA



Ereni Wink





AO ENCONTRAR UM POETA LHE PEDI...
QUER ME FAZER UMA RIMA?
MUITO TRISTE ELE ME DISSE 
MINHA RIMA É MINHA SINA
FIZ UM VERSO A MINHA AMADA
COM TODO MEU CORAÇÃO
RINDO ELA SE FOI
DEIXANDO ESSE POETA 
CHORANDO ..NA MAIS TRISTE SOLIDÃO.


FLORIANOPOLIS 18/04/2012 Ereni Wink

Bando de poetas



Daisi Oliveira de Souza


Este aqui é uma homenagem aos poetas do grupo
(sómente para quem tem BOM humor).Bjos.






E por falar em poesia
Quero registrar minha alegria
Deste grupo participar.
São tantas cabeças pensantes
Que em quase todo instante
De emoções vêm me falar.
E prá não perder a trova
Vou embora toda prosa
Com os amigos comentar
Que no grupo prosas em versos
Tem um bando de poetas
Que me fazem até chorar.
Más que barbaridade! Tchê!


Momento Poetisa


Simone Ribeiro




TUDO PODE ACONTECER...
ALGUÉM TE DISSE QUE TEMPO É COMO VENTO?
PASSA...LEVA TUDO...OU TUDO TRAZ...
PENSE NA PAZ POR INSTANTES...AMORES DISTANTES....
ROJÕES SE SOLTAM...TUDO FICA LINDO!
SOLTO...SEM REGRAS OU NORMAS...
MADRUGADA...A ÚNICA TESTEMUNHA DOS AMANTES...
E QUANDO RAIAR O SOL....TUDO FICOU NO ESQUECIMENTO

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA


Luciana Pereira Barros
Poeta



Ser poeta é ser palavra
É orquestrar sentimentos
É transmitir o que vai na alma
Eternizar os momentos
Fazer falar o coração
Em linguagem desconhecida
Para muitos que a razão
Não deve ser esquecida
É o gritar
Que ninguém ouve
É o nada falar
Ser poeta é ser palavra
Que não é proferida
É agarrar a vontade
E soltar a voz
Que se julgava adormecida.

Vânia Santos

ERENI - Prosas do Tema = POETA


Ere
ni Wink
EU




Eu faço...
Da minha vida uma poesia
Vivo a vida com alegria..
Meu coração transborda


Eu abro...
As portas e janelas da alma
Sorrindo ...a vida é bela
Respiro o perfume das flores
Canto de braços abertos
Banho-me a luz da lua... 
Em plena madrugada

Eu durmo...
Meu despertar é sereno
Desperto com a aurora...em toda sua beleza
O teu murmurio me exita
Eu vivo...
Intensamente meus sonhos.


Florianopolis 18/04/2012 Ereni Wink

LUCINHA - Prosas do Tema = POETA



Lúcinha Santos
Poeta.



Sem poesia
minha vida é vazia
céu sem lua
numa total escuridão
mar sem areia
e sem sereias
sol em dia nublado
tempo cinza e fechado
pássaros na gaiola
sem canto
alma vazia
sem encanto 
Sem poesia minhas emoções
estariam aprisionadas
dentro da caixa do peito
que não não seria coração
Sem poesia eu não teria
feito a transformação
de mulher pra borboleta
pousando de flor em flor
..............Lú

SALETE - Prosas do Tema = POETA



Maria Salete Ariozi
SE AMAR...



Se amar é viver, 

Sofrendo mesmo na alegria...



Se amar é chorar,
Por aquilo que antes se ria...



Se amar é sorrir, 
Com o coração chorando...



Se amar é sentir,
Uma ausência constante... 



Se amar é ter,
Saudade do seu sorriso...



Se amar é ver,
Nas estrelas, o brilho do seu olhar... 



Se amar é por, 
Um beijo desejar... 



Se amar é querer,
Que um sonho não se acabe...



Se amar é suspirar, 
Logo cedo ao acordar...



Se amar é esperar,
Pelo telefone a tocar...



Se amar é acreditar,
Que logo você irá chegar...



Se amar é esperar,
Sem nada cobrar...



Se amar é por fim, 
Isso tudo...



Percebo, então 
Amo Você !!

(( SALETE ))

SALETE - Prosas do Tema = POETA


Maria Salete Ariozi
VAZIO DE MIM




O Coração pedia, implorava,
Juntou-se a fantasia 
Que ordenava. 
Busquei você em todo
Seu Abandono.
Com muito encanto
Peguei em suas mão e,
No silencio caminhamos.
Trouxe você com cuidado,
Para ser amado, 
Compreendido,
Sem tortura, 
Para fazer morada
Dentro do meu 
Coração, onde há muito 
Eu o Sonhava.
Dele fez o seu ninho e,
Aos carinhos se entregou.
No acalento se aninhou,
Ao meu corpo se encontrou, 
Estremeceu.
Superou suas angústias, 
Revigorou-se, partiu.
Deixando um vazio,
Um vazio de Mim

((SALETE ))

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA


Luciana Pereira Barros
Um ser chamado poeta!



Se me cato num canto escrevendo um poema
De certo, é que estou deliberando energias
E escrevendo solto a voz que declama os problemas
Em busca de soluções nas minhas vorazes poesias.

Molho a ponta da caneta em nanquim
Moldo as palavras que viram poema
E crescem os versos num vago jardim
Que a espera já estavam de qualquer tema.

As coisas acontecem, é assim, é a vida
Saio correndo, e brindo ao mesmo tempo 
Já que sou a árvore desgalhada e esquecida
Brindo com quem me acompanha. O vento!

Entre os versos ilusórios que eu carrego em minha cara
Ratifico as tristezas, sublinhando a esperança
Pego rima imperfeita e faço dela, jóia rara
Já que dentro de um poema, sou poeta, sou criança

No ressurgir de uma estrela, um sorriso cristalino
Vem trazer a inspiração revestida em sentimento
Nos caminhos desta escrita, sou o rei e sou menino
Cavaleiro em desatino, vendo a vida em movimento

Se numa folha em branco, um arco-íris nascer
Desenhando as palavras coloridas de um profeta
É o amor, que entre linhas, o sonho faz renascer
Na loucura mais bonita de um ser chamado Poeta

Charlyane Mirielle & Rodrigo Ferreira Santos.

SALETE - Prosas do Tema - POETA


Maria Salete Ariozi
BUSCA




Hoje dos versos
Não busco a rima.
Mas, a alegria que 
Enche-me de euforia,
De falar em forma 
De Poesia.

Uma alegria que canta,
Encanta, acalma.
Alivia meu Coração,
Alimenta minh’ alma.
Surge sem muita busca,
A Poesia.

Numa ânsia cega,
O Poeta alimenta-a
Como Seu vício.
Se doa por inteiro,
Sem precisar sair à busca
Por outros Meios. 

Mergulha em seus sonhos,
Sonha, engana-se, domina. 
Da inquietude do Amor
Faz em pura chama, 
Uma Razão, Perdição,
De quem Ama.

Faz da Poesia seu sangue,
Que nutre suas veias.
Da Poesia, uma Profecia, 
Aos sentimentos,
Inteiros, Intensos, Plenos.
Exala-se assim um Perfume,
O Perfume da Poesia.

((Salete))

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA


Luciana Pereira Barros
* Poeta sou *



Sou poeta do mar
Da terra e do ar
Sou poeta do fogo
Do que não pode calar
Do que arde em chamas intrépidas
Do que é preciso lagrimar
Em versos ritmados
Em desejos alados
Em suspiros recolhidos
Em conchas de brocados
Sou poeta das montanhas, das rochas
Do vento
Dos desertos sem alento
Sou poeta do dia e da noite
Das madrugadas cortadas no açoite
Dos pensamentos sombrios
Dos incontidos desvarios
Sou poeta das matas, dos rios
Da fauna e da flora
Das estrelas do escuro manto
E da aurora
Sou poeta do riso e do pranto
Poeta dos simples, das crianças
Dos rejeitados e oprimidos
Em suas andanças
Sou poeta do amor 
Poeta da dor
Dos jovens e velhos
Em suas esperanças
Sou poeta de toda gente
De todo lugar
Sou poeta
Poeta sou

Úrsula A. Vairo Maia 

BASILINA - Prosas em Versos = POETA



Basilina Divina Pereira
ORAÇÃO DO POETA





Senhor da prosa e do verso,
que este poeta disperso,
possa percorrer o mundo
do céu aos vales profundos,
levando pra toda gente
seu canto vivo e ardente
impregnado de carinho
feito arremate de ninho.
Que sua palavra vibrante
vá além de um só instante
do impacto emocional,
pois ela existe, afinal,
pra bordar o dom da vida,
amenizar as feridas,
com sua mensagem de fogo...
lembrar que as regras do jogo
são simples questão de escolha,
é o vento esperando a folha.
Senhor da rima (im)perfeita,
eu sei bem: não há receita,
mas acolhe em mansidão
esta súplice oração
que eu possa inverter as cores,
encher a alma de amores,
lavrar o solo infecundo,
levar esperança ao mundo,
vasculhar o chão dormente,
só pra adubar a semente
e espalhar na ventania
todo o encanto da poesia.

Basilina Basilina Divina Pereira

BASILINA - Prosas do Tema = POETA




Basilina Divina Pereira
O CANTO DO POETA




O poeta canta a vida,
porque não sabe morrer.
Canta versos, na berlinda,
é o que ele sabe fazer.
Seu coração transbordante,
não pode conter a lua,
suas asas, sua pena,
é o que encontra pela rua.

O poeta pinta a vida
com as tintas da emoção.
em sua estrada
chega a uva e sai o vinho,
mas não chega a solução.

O poeta varre o mundo:
colhe mortos e feridos,
ouve gritos e lamentos, 
mas não ouvem seus gemidos.
-Poeta cadê sua amada?
-Entregou-se à madrugada!
Seu canto não é de amor.

Seu canto é de chegada
chegada de um novo dia
novo dia de alegria,
alegria de poder
ao mundo inteiro dizer,
com palavras carimbadas,
que o poeta pode ser
o espelho da verdade.
-Que verdade é essa, poeta?
-Aquela que ninguém quer ver.

Basilina Pereira

LIGIA - Prosas do Tema = POETA




Ligia Shlochmann
POETA



QUE VOU DIZER SOBRE O POETA, É IMENSURÁVEL, QUASE IMPOSSÍVEL
POETIZAR, RIMAR, AMAR, ODIAR, DESPREZAR, DESCLASSIFICAR, INVENTAR
SOBRE O POETA, POIS ELE NOS FAZ SORRIR, MUITAS VEZES CHORAR, MUITAS VEZES ODIAR, MUITAS VEZES REFLETIR, OUTRAS VEZES NOS LEVA A INTROSPECÇÃO, OUTRAS AO DELÍRIO, MUITAS VEZES A PAIXÃO, OUTRAS AO CORAÇÃO, MUITAS VEZES A SENSIBILIDADE, OUTRAS A INDIFERENÇA, MUITAS VEZES À SINGULARIDADE, OUTRAS À PLURALIDADE. 
INFINITAMENTE IMENSURÁVEL ADJETIVA-LO, POIS SÓ SEI POETIZA-LO!

Ligia Shochmann

SALETE - Prosas do Tema = POETA



Maria Salete Ariozi
Porre !!



...Quer saber cara ??
Hoje Eu tomo um Porre ...
Ando precisando de um Gole,
... Para o coração anestesiar.
Nem que pra isso eu me entorne...
Mas a melancolia não me engole.
Se tudo amanhã estiver melhor,
Eu levando e sigo,
Se nada mudar, acredite !
Um coma alcoólico 
Eu pressinto !

((Salete))

BASILINA - Prosas do Tema = POETA




Basilina Divina Pereira
ALTERNATIVA




É simples pisar nas sombras,
sabendo que o sol é para sempre.
Difícil é lembrar das promessas exiladas
e das cores que só são um vulto na memória.
Sem asas o ar não é um caminho seguro;
resta ao poeta debulhar setembro
e replantar a primavera.

Basilina Pereira

BASILINA - Prosas do Tema = POETA



Basilina Divina Pereira
O BANHO




O oco do poeta


esconde a vazante

onde todas as palavras

vêm banhar-se.


Basilina Pereira


Ser bom poeta ?





Daisi Oliveira de Souza




Tanto se fala sobre o ser ou não bom poeta, e eu fico a pensar, o que é que querem dizer com o ‘ser bom poeta ‘?
Pois o que para uns o é, para outros não!
Que seria, por exemplo, das prosas poéticas e restantes formas de versejar , se apenas gostássemos de sonetos?

Para mim todo poeta é sonhador, e ao sonhar projecta o que sente, vive ou idealiza para o papel, partilhando sua forma de ‘ver o mundo’ com os outros, não é isto tão bonito?
Então, porque nos preocuparmos com o que é ser ou não ‘bom poeta’? Deixemos isso aos críticos literários, preocupados, esses sim, com o sucesso das obras literárias que irão lançar (e olhem que até eles erram)!

Quanto á poesia ‘lamechas’, como já vi por aí falarem, não passa de desabafos sim, de almas tristes, carentes, ou apenas temporariamente desgostosas, por algo que em algum momento da vida as atormenta ou atormentou! E isso não pode ser também poesia? Quem era mais ‘tristemente lamechas e dramática’ que Florbela Espanca? E não é uma de nossas mais afamadas poetizas?

Existem gostos para tudo, por isso ninguém se julgue aqui melhor ou pior poeta que ninguém.

Se me disserem que uns, devido á sua formação académica ,escrevem de uma forma mais correcta, segundo as regras, concordo, mas será apenas isso que faz dele um bom poeta?
Mas também não me perguntem o que faz de alguém um ‘bom poeta ‘! O sucesso que tem entre quem o lê? Tem muitas leituras, é ‘bom poeta’? Tem poucas é ‘mau poeta’? Será? Talvez sim, talvez não!

Não entendo porque em certos ‘sites ou grupos da Internet’ tanto se criticam uns aos outros sobre o ‘bem ou mal poetizar’ e não se preocupam apenas em partilhar ideias ou a forma de as partilhar, deixando cada um escrever como quer , gosta ou sabe!

Nestes sites apenas uma coisa deveria ser realmente importante, que cada pessoa que escreve algo e coloca para terceiros lerem, partilhando suas ideias, sentimentos e pensamentos, seja respeitada por isso mesmo, independentemente da qualidade dos seus artigos.

Entendam isto apenas como a minha visão sobre o assunto e não como uma critica a quem quer que seja.


Fátima Rodrigues
22 Fevereiro de 2009

ERENI - Prosas do tema = POETA




Ereni Wink





Alguém me perguntou...
Conheces algum poeta???
sim...respondi...
Dentro de ti vives um poeta..
Tu convives com ele, mas o ignora
Pois ele as vezes emudece
Não deixa ninguém conhece-lo
Tem vergonha de se expor
De aflorar sua emoção ou...
Machucar seu coração
Pois o poeta é sensível...as veses até invisivel
Tem a alma leve como o sonho....
Desnude o teu coração
Aflore a tua emoção
Não deixe falar a razão
E viva ...nesse mundo maravilhoso
MAS CHEIO DE ILUSÃO.

FLORIANOPOLIS 18/04/2012 Ereni Wink


SOUZA CLARA - Prosas do Tema = POETA




Sousa Clara
O poeta e a poesia




O poeta nasce como as flores da primavera.
O homem, é como o gelo,
que se derrete e evapora no ar:
como a poeira que o vento leva,
como as folhas de verão,
que caem no chão.
O homem se corrompe,
tornando-se o pior dos vírus...
com isso surge o eco do radicalismo, 
da intolerância, da fofoca, da mentira, 
da hipocrisia, da discriminação e 
da falta de respeito para com o seu semelhante...,
imagem e semelhança de Deus.
É muito triste observar que de maneira mais ampla, 
esteja perdendo a sensibilidade, a solidariedade e amor..., 
principalmente, o amor próprio.
Entretanto, a poesia...,
bem ao contrário, eterniza na história 
tudo aquilo que o leitor gostaria de falar ou de ouvir; 
num sentimento que transcende além do horizonte..., 
a presença eterna do POETA.

de Dr. Jocarlos Gaspar

Mácula


Cesar Veneziani




Macular o branco do papel
não é papel
apenas
das penas do mau poeta.
Na certa
o rastro da má rima
se assina após o "blof"
do mergulho da estrofe
na latrina
e se imortaliza,
transgênico,
na biblioteca de papel higiênico.

(Cesar Veneziani, in "Neblina", 
pg 144/145, Editora Patuá, 2012)

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA


Luciana Pereira Barros
POETA MENINO



Todas as poesias, 
Que as noites,
Por companhia, 
Viram fluir
Do fundo da minha alma...
Cavalgaram em sua direção 
Com a velocidade da luz...
Luz que enaltece, ilumina 
E fortalece o coração...
Percorreram, por anos, 
Vales, campinas, 
rios mares e oceanos... 
sussurraram o meu gemido, 
Feito a brisa, 
Junto ao teu ouvido...
A mais bela sinfonia 
Da Criatura Humana,
A composição das palavras: 
Eu te amo!!!
A magia que encanta, 
Transforma 
E concede ao Ser
Os mais lindos sonhos e realizações.
Mesmo que momentâneas, 
Semente, flores e frutos
Desse sentimento Puro, 
Simplesmente divino...
Que fará de mim: 
Seu Eterno 
Poeta Menino!!!

ANGELA - Prosas do Tema = POETA


Angela Mendes
"Palavras"



Perco-me quando escrevo...
Me perderia de qualquer forma.
Afinal, tudo é perda...
E calar é muito mais...
Escrevo porque preciso. 
Escrever é como droga.
Vício do qual não me abstenho, 
e no qual vivo.
É como veneno necessário.
Se compõe de fragmentos do sentimento.
Nos recantos dos sonhos é colhido.
Das margens bucólicas dos rios da alma.
Essas águas deixo escorrer por meus dedos.
Não quero o silêncio...
Por isso...
Que meu coração jamais se cale.
E o que eu não ouso dizer...
Isso ele fale.
E que o faça claramente.
Nunca com ambiguidade...
E sejam suas palavras, como rio 
Que incógnito nasceu,
Cuja maré alta transforma em foz.
Glória Salles

Traço



Cesar Veneziani



Peço
quando faço
do meu traço
um verso,
que nasça
do som que passa
e que a pena
apenas grafa
a graça
que o belo
- elo após elo -
em letras
disfarça.

(Cesar Veneziani
in "Neblina", pg 12/13, 
Editora Patuá, 2012)

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA


Luciana Pereira Barros
Ser Poeta




Pois é... ser poeta é só saber falar com palavras mudas escritas

numa simples folha de papel... 
ser poeta é não saber fazer poesias, 
mas falar de sentimentos sem pensar no que há-de vir... 
ser poeta é sofrer antes, durante e depois... 
ser poeta é pensar com as emoções e com o coração em vez de usar a cabeça... 
ser poeta é saber falar com a ponta dos dedos...


LUCINHA - Prosas do Tema = POETA



Lúcinha Santos
Poeta.



O que é ser poeta ?
eu me pergunto
é o olhar o mundo
com olhos profundos ?
Se ser poeta é
olhar uma flor e ver um beija flor
ver duas pessoas e imaginar um amor
olhar por céu e ver
estrelas cadentes iluminando a escuridão
olhar o mundo com a alma
com a sensibilidade de uma criança
E ver nos olhos o nascer da esperança
Imaginar nuvens de algodão
Voar na imensidão
Fazer rimas de sonhos
de verdades e de pensamentos
as vezes até insanos
De uma lagrima lembrar uma saudade
e se arrepiar de emoção
Ser poeta é respirar fantasias
E não sobreviver sem rimas
Se ser poeta é tudo isso
está explicado a minha falta de juízo
Por que sou poeta sem muros
somente com horizontes 
E já estava escrito pra mim
que serei poeta até o fim
.............Lú

LUCIANA PEREIRA - Prosas do Tema = POETA



Luciana Pereira Barros
Ser poeta



Ser poeta é ser mais alto, é ser maior
Do que os homens! Morder como quem beija!
É ser mendigo e dar como quem seja
Rei do Reino de Aquém e de Além Dor!

É ter de mil desejos o esplendor
E não saber sequer que se deseja!
É ter cá dentro um astro que flameja,
É ter garras e asas de condor!

É ter fome, é ter sede de Infinito!
Por elmo, as manhãs de oiro e de cetim...
É condensar o mundo num só grito!

E é amar-te, assim perdidamente...
É seres alma, e sangue, e vida em mim
E dizê-lo cantando a toda a gente!

Florbela Espanca

Você faz parte daqui