PROSAS EM VERSOS

SER POETA, É SENTIR AFLORAR DA PELE SENSIBILIDADE, É OUVIR O GRITO DOS QUE NADA DISSERAM, É VER POR UMA GAMA DE CORES INVISÍVEIS À MACROSCÓPICA VISÃO DOS INSENSÍVEIS, É PENETRAR IMPIEDOSAMENTE À ALMA HUMANA.

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Soneto de Aniversário



Ereni Wink




Passem-se dias, horas, meses, anos
Amadureçam as ilusões da vida
Prossiga ela sempre dividida
Entre compensações e desenganos.

Faça-se a carne mais envilecida
Diminuam os bens, cresçam os danos
Vença o ideal de andar caminhos planos
Melhor que levar tudo de vencida.

Queira-se antes ventura que aventura
À medida que a têmpora embranquece
E fica tenra a fibra que era dura.

E eu te direi: amiga minha, esquece…
Que grande é este amor meu de criatura
Que vê envelhecer e não envelhece.

de Vinícius de Moraes

João Batista do Lago - Poeta




Ereni Wink




Correm nas veias dias de esperança
Sonhos convalescentes
Em nós consumados
Como plumas ao vento
Qual Ermita ...
Saboreiam uma brisa doce
E crua de razões
Em temores do ontem
Ainda o Sol vai baixo 
No caminhar, os passos são lentos
Como quem pede uma rosa
Um grito, ou um lamento
Tempo que de preciso se faz
Em silêncio
Preciso, é o Tempo que nos beija
É preciso acreditar...

By Ashera

Oração Dominical



Patricia Neme




Pai nosso, Pai de toda a criançada,
estás longe no céu, por qual razão?
Te assusta tanta vida aniquilada,
Te agride ver a infância sem ter pão?
Do céu, ouves a mãe desempregada,
que implora por Tua Graça e Compaixão,
pra que a família seja alimentada
e os filhos tenham teto e educação?
Escutas a menina que é estuprada,
gritando de terror, dor, solidão?
E o jovem, cuja vida é ameaçada,
pra que seja, do tráfico, avião?
Tens visto que há criança escravizada
e, por salário, só ganha um tostão?
E aquela, que a chuva deixa assustada,
pois teme vá ao chão seu barracão?
Pai nosso, tanta coisa está errada...
Falta respeito, falta proteção...
Deixa, um pouquinho só, Tua morada,
vem cá, os filhos Teus estão sem chão!

- Patricia Neme –
(in TEMPOS)

T'o-ur nde Reino


Daisi Oliveira de Souza

AOS ÍNDIOS BRASILEIROS - Versos Livres
por: Soaroir Maria de Campos
15 de abril de 2007


“T'o-ur nde Reino”

Mulheres cuidam da roça
em sua mata oriunda
Homens andam à caça
e crianças na cacunda

Mulher cozinha e tece
amamentando sua criança
Homem levanta ocas
lugar onde descansa

Índios despertam sem mazelas
mesmo dormindo na rede
pescam e brincam no riacho
regato onde matam a sede

Dizimamos sua nação
deixamos-os órfãos de pai
na escassez da floresta
dependentes da FUNAI

Entregamos aos estrangeiros
bando que diz vir ajudar
causa que cada brasileiro
é quem deveria adotar

Daqui desta “civilização”
solidária, lembro esta semana
desejando que os índios tenham
motivos para comemoração...


Soaroir
Publicado no Recanto das Letras em 15/04/2007

Conte seu jardim pelas flores




Ereni Wink




"Conte seu jardim pelas flores,
nunca pelas folhas caídas.

Viva cada minuto de sua vida com
se fosse viver eternamente.

E cada hora que passar não conte
pelos ponteiros romanos de um relógio
e sim pelo pulsar do seu coração.

E através de toda a sua existência
conte sua idade pelos amigos que
conquista e nunca pelos anos que vive." 

(Autor desconhecido)

Sedução


Maria Salete Ariozi




Desejos que latejam intensamente
e tatuam de pecados a pele nua
de forma impura e indecente
Juras de encantamento e sedução
que se perdem entre coxas
e delírios de insana paixão
Saliva que sagra os lábios pagãos
molha os anseios mais ocultos
e escorre na irresistível tentação

Cadência de corpos se entregando
a movimentos de puro prazer
o amor profano a acontecer

E mais uma vez atravesso
a transparência do teu oceano
ao me deixar seduzir, sem engano
atordoada e feliz da vida
incandescente e atrevida
sigo sem olhar para trás...
a vida me ensina a acreditar nesse sonho
de amor, ternura e paz
que docemente me satisfaz...

Flor Poeta

As Duas Flores


Maria Salete Ariozi




São duas flores unidas,
São duas rosas nascidas
Talvez no mesmo arrebol,
Vivendo no mesmo galho,
Da mesma gota de orvalho,
Do mesmo raio de sol.

Unidas, bem como as penas
Das duas asas pequenas
De um passarinho do céu...
Como um casal de rolinhas
Como a tribo de andorinhas
Da tarde no frouxo véu.

Unidas, bem como os prantos,
Que em parelha descem tantos
Das profundezas do olhar...
Como o suspiro e o desgosto,
Como as covinhas do rosto,
Como as estrelas do mar. .

Unidas... Ai quem pudera
Numa eterna primavera
Viver, qual vive esta flor.
Juntar as rosas da vida
Na rama verde e florida,
Na verde rama do amor!


Poema de Castro Alves.

Amor é



Daisi Oliveira de Souza




Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
É um andar solitário entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É um cuidar que se ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade
É servir a quem vence o vencedor,
É ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade;
Se tão contrário a si é o mesmo amor?

(Luís de Camões)

Amar




Clarice Maria Relozi






Identifico seu sorriso, sua timidez,
vejo você pelo seu olhar.

Olhar esse que me pertence 
que me afaga dos medos
que simplesmente me acolhe.

Criança pequena, sou eu sem você,
sem saber para onde ir, seguir.

Ilumina meus passos
me acolhe em seus braços
te pertenço toda

Identifico que você é tudo,
me completo por coisas simples
tornam-se perfeitas.
Quero retribuir pelas mesmas coisas.

Sei que por mais que nada sei
procuro fazer-te bem,
Bem pelo que me faz.

Se isso não é AMAR...
Me acorde, pois acho
que não sei aonde estou.

Jessica Relozi Antonio.

Arte de Amar



Fatima Pessoa



Se queres sentir a felicidade de amar, esquece a tua alma.
A alma é que estraga o amor.
Só em Deus ela pode encontrar satisfação.
Não noutra alma.
Só em Deus - ou fora do mundo.

As almas são incomunicáveis.

Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.

Porque os corpos se entendem, mas as almas não.

Manuel Bandeira

Tem gente




Lúcinha Santos




Tem gente que é só passar pela gente que a gente fica contente...
Tem gente que sente o que a gente sente e passa isto docemente...
Tem gente que vive como a gente vive,
Tem gente que fala e nos olha na face,
Tem gente que cala e nos faz olhar...
Toda essa gente que convive com a gente,
leva da gente o que a gente tem e passa a ser gente dentro da gente.
Um pedaço da gente em outro alguém.

Fernando Sabino

Simples definição para o amor




Lúcinha Santos



e a gente se conhece
e começa uma conversa formal
e vai conversando
quando se dá conta
que não consegue
parar de conversar
E começa o aperto no peito chamado saudades
e a vontade de ficar mais um pouco
E as horas que passam depressa
Então começa a paixão
olho no olho
e você espera aquele sorriso
que parece o ultimo do mundo
E querer ficar junto e
não se desgrudar por um minuto
de repente percebe que a cabeça
não pensa, e que o coração manda
E tudo fica mais bonito
flores desabrocham, você repara que a lua
cheia é maravilhosa
pássaros cantam e tudo é primavera
E não se vê defeitos, so o olhar
e se caminha em nuvens
e de repente se vira poeta
Então o amor é isso ?
é magia, encanto
coração batendo fora do compasso
O amor é leve, é puro e verdadeiro
E é o ar que respiro
O amor tem nome e sobrenome
e tem também um só lugar
perto de ti e uma
uma unica definição:
você coração


Os Mochos




Magna Azevedo






Sob os feixos onde habitam, 
Os mochos formam em filas; 
Fugindo as rubras pupilas, 
Mudos e quietos, meditam. 

E assim permanecerão 
Até o Sol se ir deitar 
No leito enorme do mar, 
Sob um sombrio edredão. 

Do seu exemplo, tirai 
Proveitoso ensinamento: 
— Fugí do mundo, evitai 

O bulício e o movimento... 
Quem atrás de sombras vai, 
Só logra arrependimento! 

Charles Baudelaire, in "As Flores do Mal"
Tradução de Delfim Guimarães
Obtido em Wikisource


Previsão


Maria Salete Ariozi




Só me sinto plena quando,
apesar da distância,
sinto em meu peito
o latejar do teu coração
junto ao meu, 
no mesmo descompasso,
prevendo o afago e o abraço...

Flor Poeta

Bom Dia




Lúcinha Santos







"O que a Luz do Sol é para as flores,

são os sorrisos para as pessoas

Deixe a Luz entrar em sua vida!

Bom dia meus amores !!!!!!"


Visto Aos Olhos




Ana L. Jorge





Amor e Cor
Amor uma palavra 
Uma emoção
Um sentimento
Pode ser amarelo, verde
Azul, branco e preto
O amor é expressado nos gestos
Escritos ou desenhados
Arco-íris visto aos olhos
Sentido no coração
Amor a si mesmo, amor ao próximo 
Amor incondicional
Amor em todas as cores
Amor rima com cor!!


Não desista de mim



Lúcinha Santos




E quando desistir de mim
e achar que já me esqueceu
vai passar por ti alguém
com os cabelos parecidos com os meus
falando como eu
E vai perceber que ainda não me esqueceu
E vai se dar conta que é impossivel
esquecer um grande amor
mesmo que desista dele
vai ficar enraizado no seu coração
E vai lembrar de mim
do meu carinho, das palavras
do meu amor e de tudo que entreguei a ti
por que entreguei tudo por inteiro
E quando perceber que não pode mais viver sem mim
Vai ser tarde demais, por que meu amor
por ti é grande e muito verdadeiro
mas eu simplesmente já terei ido embora
E vou, mas não por não te amar
vou pra deixar de sofrer.


Pra que memória?




Angela Mendes





pra que memória?
melhor ser eterna folha em branco
sem registro
pra que cada paixão se baste
cada experiência seja única
e cada lágrima caia apenas uma vez


De Cesar Veneziani

Sem Vida Enfim



Josemir Tadeu Souza




No azul do céu das manhã libertas, 
minhas premissas e promessas
dão o tom da cor, que clara,
aviventa a alma, 
e o natural, coisa rara
manifesto se declara.
Os pássaros fazem-se obreiros... mensageiros,
de uma fonte alva... 

Água cristalina que brota e mina,
faz de minha vida um olhar crescente.
Faz da minha lida, um querer presente.

E que continuem azuis,
os pontos... as pontes,
enfim todo o horizonte.
E que se desgarrem de mim
todas as lembranças nuas,
esquálidas e cruas
Inertes, sem vida enfim...

josemir(aolongo...)

Gosto e preciso




Neusa Paixão




Gosto e preciso de ti,

mas quero logo explicar,

não gosto porque preciso,

preciso sim, por gostar.


Mário Lago

Peregrina




Daisi Oliveira de Souza




Sou uma peregrina da vida
Onde ela pode me levar eu não sei
Mas sei que ela me quer e eu a quero

Transformo minhas mudanças em presentes para mim mesma
Trabalho o que pra mim é vital em cada momento

Sou uma peregrina da alma
Com ela comungo com os quatro elementos
Me sintonizo com suas forças
Pra me fazer inteira
Mergulho em suas energias
Pra me sentir completa

Sou uma peregrina da Arte
Que com seus mistérios tudo transforma
Que se funde em mim de várias maneiras
Que me faz transpirá-la por meu corpo inteiro

Sou uma peregrina
Livre
Selvagem
Natural
Sempre peregrina...
De mim mesma.

(Anna Leão)

Horário do Fim






Fernando Martinho







 morre-se nada
quando chega a vez

é só um solavanco
na estrada por onde já não vamos

morre-se tudo
quando não é o justo momento

e não é nunca
esse momento

Mia Couto, in "Raiz de Orvalho e Outros Poemas"

Filhão Amado



Maria Salete Ariozi



PARA QUE NÃO TENHAM DÚVIDAS DE QUE O AMOR É POSSÍVEL SER DESENHADO ...
RESOLVI POSTAR O DESENHO DO AMOR EM PRIMEIRA MÃO A TODOS.
ESTEJAM CERTOS, EU TODOS OS DIAS CONSIGO VER ESTE DESENHO NITIDAMENTE, E POR SINAL FOI MUITO BEM DESENHADO POR MIM, MODÉSTIA PARTE ! 
ESTA PALAVRA TÃO SIGNIFICANTE... AMOR, TEM LETRA,MUSICA,NOME,E FORMA.
ESTE MEU DESENHO DO AMOR TE UMA IMAGEM LINDA, É CHARMOSO, CARINHOSO, E COM MUITA COM LUZ PRÓPRIA.
ME FAZ SORRIR SEMPRE, CHORAR AS VEZES, ME EMOCIONA A CADA DIA, E 
DIZ SEMPRE: MAMÃE EU TE AMOOOOOOOO !!!
APRESENTO A TODOS MEU AMOR EM FORMA FIGURADA:
MINHA FIGURA DO AMOR CHAMA-SE: GUILHERME ARTHUR.
MEU FILHÃO AMADO.

Nunca ninguém sabe



Neusa Paixão





Nunca ninguém sabe se estou louco para rir ou para chorar. 

Por isso o meu verso tem esse quase imperceptível tremor... 

A vida é louca, o mundo é triste: 

Vale a pena matar-se por isso? 

Nem por ninguém! 

Só se deve morrer de puro amor...


MÁRIO QUINTANA

Sou Como Um Livro





Ana L. Jorge






Rosas de Maio




Aníbal Bastos





Rosas em Maio florindo,
São o teu olhar sorrindo,
No teu rosto encantador!
Raios de sol a brilhar,
Suave brisa do mar,
Terno poema de amor!

Quando o vento a soprava,
Das pétalas emanava,
Um perfumado odor!
Perfume que só existia,
Na rosa da Alexandria,
Que eras tu em flor!

Por seres tão perfumada,
Eras querida e invejada,
A muitas léguas sem fim!
Tanto que um dia alguém,
Atrás do teu perfume vem,
E levou-te do meu jardim!

Rosa Maio, rosa amor,
Não te soube dar valor,
Ao odor do teu perfume!
No dia em que te perdi,
Pela primeira vez senti,
O aroma do ciúme!

- Vive a vida e sê feliz,
O destino assim o quis!
Escrevi eu num poema!
Poema a ti dedicado,
Nas estrofes de um fado,
Onde o amor era o tema!

E nesses versos de amor,
Havia lágrimas de dor,
De tristeza e de amargura!
E das saudades infindas,
Nasceram palavras lindas,
Ondas de fogo e ternura!

A. Bastos (Júnior)

Sonhos



Lúcinha Santos




Quando o vento bate na janela
parece que ta me chamando
vem pro vento..... vem
Vem sentir o vento nos cabelos
sensação de liberdade
Vem sentir o vento no rosto
Abra os braços e solte-se
feche os olhos e pense aonde desejaria ir
Voar entre as nuvens....
Tire os pés do chão e sonhe
Não precisa bater os pés pra estar em algum lugar
Basta fechar os olhos e sonhar....
Eu estou sempre aonde eu quero...
um pé nas nuvens e um pé no chão.
...........................Lúcinha.

Você faz parte daqui